quinta-feira, 24 de setembro de 2009

4 dias de rematch

Agora eu entendo oque todas as au pairs falam no seu blog, comunidades do orkut e forum...
Estar de rematch e terrivel! A sensacao de estar desamparada pela agencia que parecem nao se importar nem um pouco com oque vai acontecer com a gente e horrivel! E bem claro que eles dao mais valor as familias do que as au pairs, mas nos somos tao importantes quanto! Poxa, se nao tivesse au pair nao teria programa de intercambio!

Nesse momento milhares de coisas se passam na minha cabeca, algumas delas sao:
Se eu fosse embora pro Brasil, como seria?
Tentar ficar aqui mas sem ser pela agencia com familias do GAP?
Ficar esperando pela boa vontade da minha consoler achar familias pra mim?

Eu sou uma boa au pair, tenho boas recomendacoes...a unica coisa que eu nao tenho e uma habilitacao pra dirigir nessa droga de pais, mas que eu ja estou tirando!
Mas a minha counsoler so vai por isso no meu perfil quando eu tiver uma license na mao! Isso nao e justo, ela poderia dizer para as outras counsolers que eu ja vou fazer o teste na terca feira que vem, mas acho que nem isso ela ta fazendo!

Talvez ainda seja cedo pra me desesperar...Essa ansiedade que nao acaba!!! :X
Minha host veio me dizer ontem que ela esta tentando descobrir oque fazer, se pega uma au pair ou se contrata uma americana mesmo...
Eu ja to me sentindo mau por ser "o problema", e apesar dela ser 'nice', quase todo dia vem me falar isso...Como se eu fosse vir com a solucao pra ela; mas eu nao tenho!
Nao vejo a hora de sair daqui...que este mes acabe logo e que tudo se resolva...
Que eu apenas olhe pra tras e lembre disse como uma experiencia que me fez amadurecer nessa vida.
Vida de au pair nao e nada facil...
Minha vida nao e nada facil...

Pra terminar fica esta frase de inspiracao para os imigrantes Brasileiros dessa North America, ou aos aspirantes:

"Viver nos EUA e bom, mas e uma merda. Viver no Brasil e uma merda, mas e bom.[...]"

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Road test...again...

Hoje fui fazer minha road test...Pela segunda vez e...Failed!

A situacao na minha vida neste momento esta tao dificil...A melhor coisa e escrever e desabafar...

Ontem fui fazer meu teste de habilitacao, na esperanca de passar para ter uma habilitacao valida nesse pais e conseguir uma familia o mais rapido possivel.
A mae do meu host foi comigo, um amor de pessoa. Treinamos um pouco baliza de manha e ela me disse q eu sou uma otima motorista, que eu com certeza ia passar na prova.
Chegando la, dei inicio ao meu teste. A primeira coisa a fazer foi a baliza...Demorei pra fazer mas fiz, gracas a Deus! Ate entao ao meu ponto de vista o pior ja tinha passado...
Ele me mandou eu continuar dirigindo, fazer o 3-point-turn com o carro, e ir pra tras 50 feet. Eu olhei pra tras, mas nao o suficiente.
Ao estacionar o carro, ele me disse "I'm sorry, mas vc vai precisar voltar aqui mais uma vez"
Nessa hora parece q meu mundo caiu...Me senti a pior pessoa...Nunca pensei q ele fosse me reprovar so pq eu nao virei meu corpo todo pra tras na hora q eu fui dar a re.
O pior e q agora meu perfil ja esta disponivel oficialmente para rematch, e eu nao tenho uma US license valida.
Minha consoler me mandou um e-mail, dizendo q seria dificil encontrar uma familia que me quisesse justamente por causa da habilitacao.
Eu nao quero voltar pro Brasil ainda, nao terminei oque eu comecei aqui...
Estou numa situacao pessima...Nao sei oq fazer mais...parece q nao tem uma saida pra mim...

Como se ja nao bastasse o jeito pessimo q meu ano terminou com a outra familia, me acontece isso agora...
Ao mesmo tempo q me da desespero, eu penso q Deus ta cmg, ele sabe de todas as coisas, e tudo acontece por algum motivo...
Eu estou confiante de qualquer forma.
As vezes penso q voltando pro Brasil seria bom...mas eu tenho ctza que se eu voltasse me sentiria fracassada, por nao ter cumprido meus objetivos aqui.
Eu sinto que Deus tem um proposito, e as promessas dele na minha vida nao vao falhar.

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Segundo ano, Nova familia e Rematch

E gente, aqui estou eu no comecando o segundo ano....
Chegando nessa nova familia, tinha ficado super feliz sabe...Eles sao educados, me tratam super bem, e me dao toda liberdade.
Ja fazem 3 semanas que cheguei; ateh que nessa semana, na terca feira fiz minha prova pratica e reprovei por causa do nervosismo. Resultado: como eu nao passei na primeira prova, ela me disse q era melhor fazermos o rematch, pq eu sou nova e talz(20) e ela disse q prefere mesmo alguem mais velho e com mais experiencia de carteira pra dirigir as kids delas, mesmo eu sendo uma boa motorista. (O meu primeiro ano eu dirigia muuuito, com ateh 8 kids na van hauauhaua)
Enfim, estamos ai, de rematch mesmo.

Ela foi super bacana cmg, disse q foi uma decisao mto dificil de se tomar, e falou q eu posso ficar na casa dela o qto eu precisar, trabalhando...Ela acrescentou tbm q vai me dar boas recomendacoes para a proxima familia e tudo. Ela nao quer q eu va embora pro Brazil por causa disso. Ateh ja ligou pra consoler e pediu pra ela ver familia ja pra mim.
Estou mto feliz apesar de tudo! Acredito q essa foi a melhor decisao. Se ela nao fosse pedir, eu pediria, pq Deus tinha falado cmg ja esta casa nao era meu lugar, e eu nao estava me sentindo mto bem anyways...
Deus sabe de todas as coisas, nada eh por acaso, e se eu vim parar aqui, eh pq eu tinha uma missao a cumprir aqui...Trazer a msg de Jesus a esta casa, e continuar passando pra frente!

Estou super confiante, tenho ctza de q Deus ja tem preparado pra mim uma otima familia q vai me receber de bracos abertos!


"A ação nem sempre traz felicidade, mas não há felicidade sem ação."

domingo, 13 de setembro de 2009

Mudanças

Tudo comecou com uma vontade enorme de sair de casa, conhecer o mundo, sem medo algum.
Aquele espirito de aventura que todos temos em nossa vida, de se arriscar, fazer algo notavel, aprender a viver...

Realmente, parece q pisquei meus olhos, e pouco mais de 1 ano depois, aqui estou eu. Por mais que pareca q foi ontem, ao mesmo tempo pela experiencia que vivi aqui, considero que ja vivi 10!
Aquela emocao da chegada, o frio na barriga, ja acabou...Meu segundo ano aqui inicia...No fim percebemos que "nao ha lugar como nosso lar"
Interessante como esses ditados populares vem e voltam, decadas, seculos....Sao a mais pura verdade, estao sempre guardados no fundo de nossas memorias, como um conselho sabio para a vida toda.

Aqui eu aprendi a nao morrer de saudade; aprendi a se preocupar mais com os outros; a segurar a barra por mais dura que seja, mesmo sem ter ninguem ao seu lado de sua familia pra te segurar a mao...
Onde eu nunca pensei que fosse encontrar pessoas que pudesse confiar, acabei encontrando amigos de verdade...Muito mais do que isso, irmaos, pra minha vida toda. Aqueles que me ouviram, me apoiaram, e atenderam minha ligacao a noite quando eu estava aflita necessitando ouvir palavras de esperanca.
Eu tenho muita fe, mas, por mais que sabemos que temos Deus ao nosso lado, na hora da tristeza nao conseguimos acreditar nem em nos mesmos...
Agora, estando aqui em outro estado, longe de todos eles, sei valoriza-los ainda mais...Sabendo que mesmo aqui ainda tenho seus retrospectivos apoio...
Obrigada Deus, por me conceder amigos tao maravilhosos nessa vida...Eh mais do que eu poderia merecer.

"Um amigo verdadeiro é alguém que crê em ti ainda que tu deixes de crer em ti mesmo."

sábado, 12 de setembro de 2009

[...]Sem inspiracao para um titulo

"O que vc nao aprende em casa, o mundo te ensina, e da pior maneira possivel."

Minha mae sempre me disse isso. Dificil acreditar ate o dia q vc testemunha com seus proprios olhos o quanto as pessoas podem ser ruins e sem coracao.

De hoje em diante, alguns registros de uma vida de alguem que tem historias pra contar...